fbpx

A Linha Uni, responsável pela retomada da Linha 6-Laranja de metrô de São Paulo, preza pela gestão eficiente de seus dados, e para alcançar sua visão de eficiência e excelência operacional, se depara com o desafio de modernizar a maneira como gerencia as informações de RH, financeiro, Projetos, suprimentos, Qualidade, Segurança e Meio Ambiente, etc., oriundos de diferentes sistemas como SAP Business One, APData, Goevo, Enspace, Autodesk build e Informatize (futuramente também haverá sistemas como CMMS – Sistema de Gestão da Manutenção, SAS – Sistema de Administração e Serviços da Operação, SAM – Sistema de Apoio à Manutenção, etc). A descentralização dos dados, bem como o fato da busca e consolidação ser manual, resulta em um consumo de tempo excessivo para transformar dados em informação, além de uma alta susceptibilidade a erros humanos, comprometendo a tomada de decisões. O cuidado vem desde já, pois quando a Linha 6 entrar em operação serão centenas de dados diariamente de diferentes sistemas e tipos.

Este desafio visa a criação de um sistema integrado de Data Lake que revolucione a forma como a Linha Uni gerencia seus dados. A solução ideal centralizará dados de todos os sistemas operacionais, promovendo uma gestão unificada e eficiente. Será fundamental a capacidade de integrar e harmonizar dados de diversas fontes e formatos, mantendo a governança e garantindo que o acesso às informações seja restrito e adequado a cada perfil de colaborador.

Com esta solução, a Linha Uni espera não apenas otimizar a geração de relatórios e indicadores, mas também agilizar a tomada de decisão e reduzir esforços manuais na gestão de dados, promovendo assim, uma operação mais ágil, segura e produtiva, alinhada com as demandas e expectativas da Linha Uni.